inteligência artificial como funciona

Inteligência artificial: como funciona e quais são suas aplicações?

Sharing is caring!

Cada vez mais presente nas conversas, estudos e projetos empresariais, a inteligência artificial (ou Artificial Intelligence – AI) vem ganhando destaque no Brasil e no mundo. Por meio de ferramentas de análise de dados, assistentes virtuais e sistemas preditivos, a chamada IA está presente nas mais diversas áreas do mercado.

Apesar disso, seu funcionamento e aplicações ainda são desconhecidos da grande maioria das pessoas, já que essa é uma tecnologia considerada complexa. No entanto, essa é uma área em forte crescimento e que deve ser entendida pelas empresas que buscam melhorar seus resultados.

Explicamos agora, em detalhes, o que é inteligência artificial e quais seus principais elementos, e apresentamos algumas de suas aplicações e vantagens para as empresas e negócios. Veja as informações abaixo e tenha uma ótima leitura!

Entenda o que é inteligência artificial

É possível conceituar inteligência artificial como a capacidade de uma máquina aprender com base em experiência, ajustar-se a novas informações e desempenhar funções similares às executadas por seres humanos. Assim, a inteligência artificial representa uma ferramenta bastante ampla e que pode ser utilizada nos mais diversos setores, fazendo parte da rotina de bilhões de pessoas em todo o mundo.

Ela pode ser utilizada em carros autônomos, ferramentas industriais, chatbots de atendimento, assistentes virtuais e até mesmo em eletrodomésticos conectados, possibilitando uma série de aplicações, de acordo com as necessidades de cada empresa ou público.

Veja quais as principais áreas da inteligência artificial

Inteligência Artificial é um campo de estudo muito amplo, que vem recebendo muito investimento e se desenvolvendo rapidamente.

Em geral, os processos de utilização da inteligência artificial são separados em três áreas distintas: o aprendizado da máquina, deep learning e análise cognitiva. Veja mais informações a respeito de cada uma destas áreas abaixo.

Aprendizado da máquina

Também conhecido por seu nome em inglês, machine learning, o aprendizado da máquina consiste no desenvolvimento de sistemas de computação capazes de atuar de forma autônoma por meio do aprendizado, utilizando algoritmos e analisando dados, padrões e probabilidades, com ou sem a necessidade de instruções específicas (aprendizado supervisionado ou não supervisionado).

Redes Neurais

Redes neurais são um tipo de algoritmo de aprendizado de máquina que procura resolver problemas “imitando” o funcionamento do nosso cérebro. As redes são treinadas com conjuntos de dados, adaptando-se e tornando as respostas melhores, conforme mais dados são fornecidos.

Deep Learning

O deep learning, que significa aprendizado profundo, é uma evolução do aprendizado da máquina. Aproveitando o grande poder computacional disponível atualmente, utiliza grandes redes neurais, com vários níveis e técnicas mais refinadas de treinamento para aprender padrões complexos em grandes conjuntos de dados. Por exemplo, permite construir algoritmos para reconhecimento de fala e imagens e de indicação de filmes e séries.

Análise Cognitiva

É a área da inteligência artificial que procura desenvolver capacidade de interação entre máquinas e humanos na forma de relações humanas naturais, como a fala, escrita e visão.

Visão Computacional

Utiliza deep learning para o reconhecimento de padrões, permitindo, por exemplo, reconhecer imagens ou vídeos em tempo real.

Processamento de Linguagem Natural

O processamento de linguagem natural (Natural Language Processing – NLP), trata da capacidade da inteligência artificial em interpretar a comunicação em sua forma natural, entre pessoas, por meio de texto, voz ou símbolos, e traduzi-la para a máquina, permitindo seu processamento.

Utilizando serviços de análise cognitiva, é possível detectar anomalias, moderar conteúdos, personalizar experiências para usuários, entender textos, identificar sentimentos, traduzir textos, traduzir fala para texto e vice-versa, identificar pessoas com base em áudio, vídeo ou fotos, identificar objetos, entender escrita cursiva, indexar vídeos e realizar buscas inteligentes.

Conheça algumas aplicações de inteligência artificial

Agora que você entendeu melhor o que é inteligência artificial e seus principais elementos, é interessante também saber quais as principais aplicações e usos dessa tecnologia e como ela pode ser aplicada pelas empresas.

Presente no dia a dia dos consumidores em chatbots de atendimento e assistentes virtuais, ela também pode ser utilizada para automatização de processos, análise preditiva de dados e diversas outras funções. Veja algumas das principais abaixo!

Automatização de processos

A automatização de processos é uma das aplicações da inteligência artificial que vem ganhando espaço e que se destaca como ferramenta para pequenas, médias e grandes empresas. Por meio da adoção de processos automatizados pela IA, é possível realizar tarefas de forma autônoma, sem que seja necessário o acompanhamento e intervenção de um colaborador em tempo integral.

É possível citar aplicações da automatização de processos como a gestão de equipamentos, a realização de backups, a análise de credenciais de segurança, o acompanhamento de visitantes de um ambiente de trabalho, dentre outras.

Previsão de gastos de um projeto

Outro uso muito interessante da inteligência artificial para as empresas está na previsão de gastos de um determinado projeto por meio de ferramentas de IA. Ao analisar os dados históricos, os critérios e métricas apresentados, as informações de desempenho e até mesmo as habilidades técnicas de cada colaborador, é possível prever os gastos de um projeto de forma eficiente, ágil e automatizada.

Chatbots de atendimento

Ferramentas muito conhecidas das pessoas que realizam compras pela internet, os chatbots de atendimento são uma aplicação eficiente e bastante popular da inteligência artificial. Por meio deles, é possível automatizar o atendimento ao cliente, mesmo em horários onde a empresa não está em funcionamento ou quando não há atendente humano disponível.

Utilizando bancos de dados a respeito dos produtos e serviços da empresa, histórico de interações e compras anteriores e análise preditiva, os chatbots são capazes de desempenhar o papel de atendentes virtuais e auxiliar os clientes em suas jornadas de compra.

Assistentes virtuais

Oferecidos pelas grandes empresas de tecnologia, como Microsoft (com a Cortana), Apple (com a Siri), Google (com a Google Assistente) e Amazon (com a Alexa), os assistentes virtuais estão presentes nos mais diversos dispositivos, como smartphones, tablets, computadores e até mesmo eletrodomésticos conectados através da Internet das Coisas (IoT na sigla em inglês).

Neles, a inteligência artificial é utilizada para compreender e interpretar comandos, antecipar necessidades dos usuários, responder a perguntas e questionamentos e até mesmo para realizar compras, ligações ou envio de mensagens a partir de comandos de voz ou texto.

Análise preditiva de dados

Por último, vale destacar também o uso da inteligência artificial para a análise preditiva de dados, que em conjunto com o Big Data, podem ser ferramentas utilizadas para obter inteligência de negócio e oferecer aos decisores informações mais claras para a tomada de decisão.

Saiba algumas vantagens de utilizar a inteligência artificial

Para que você possa avaliar a utilização da inteligência artificial em sua empresa, é interessante conhecer também algumas das vantagens que seu uso oferece para os negócios. Listamos abaixo os principais benefícios e vantagens que uma empresa pode obter ao utilizar a IA. Confira:

  • redução de custos;
  • maior eficiência de processos;
  • gestão de gastos mais eficiente;
  • atendimento personalizado;
  • aumento da satisfação do cliente.

Como é possível perceber, a adoção de estratégias e ferramentas de inteligência artificial é uma maneira eficiente de reduzir custos, aumentar a produtividade, oferecer atendimento personalizado e garantir a satisfação do cliente.

Além disso, ao adotar o uso de ferramentas de inteligência artificial e aplicações que se utilizam dessa tecnologia, é possível desenvolver estratégias de integração entre os processos e contar com maior agilidade nas tarefas executadas por meio de sua utilização.

O que você achou de entender o que é inteligência artificial, quais seus principais elementos e também as principais aplicações e vantagens para as empresas? Se gostou desse conteúdo e deseja receber nossas atualizações, assine gratuitamente nossa newsletter!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

shares