data mining

Data Mining: entenda o que é, como funciona e suas principais aplicações

Sharing is caring!

Com o excessivo número de operações realizadas diariamente, é natural que o volume de informações também aumente consideravelmente. A grande questão é: o que a sua empresa faz com esses dados? É nesse que contexto que surge o data mining.

Quer entender um pouco mais sobre essa prática e como ela pode ajudar o seu empreendimento? Então, continue a leitura e descubra o seu potencial.

Entenda o que é data mining

A mineração de dados — data mining em inglês, é a prática de explorar um grande conjunto de informações com o objetivo de encontrar padrões que tenham algum valor estratégico, seja para controlar o estoque ou avaliar as tendências de consumo e suas motivações. Assim, é possível detectar diversas relações entre variáveis e, a partir delas, encontrar novos conhecimentos.

Devido ao grande número de dados torna-se necessário a utilização de ferramentas automáticas, nesse caso, são comumente usados algoritmos de Machine Learning — aprendizado de máquina em inglês, para identificar as relações existentes entre as informações.

Saiba como funciona a mineração de dados

O data mining utiliza dois algoritmos do Machine Learning para trabalhar com os dados. No entanto, embora possam ser usados separadamente, são normalmente usados juntos. Veja!

Aprendizado supervisionado

No aprendizado supervisionado, inicialmente são utilizados dados de treinamento para que o algoritmo reconheça as informações e encontre novos padrões e relações, formando um novo conjunto de dados.

Assim, para que o algoritmo funcione, são usados dados já reconhecidos e classificados. Dessa forma, quando o mecanismo assimila o processo, ele consegue reconhecer outros grupos de elementos e classificá-los, além de encontrar relações e desenvolver modelos capazes de prever o futuro.

Aprendizado não supervisionado

No aprendizado não supervisionado, por sua vez, os dados não são rotulados. Não existe uma forma de treinamento. Nessas circunstâncias, o algoritmo trabalha sozinho na busca de relações entre variáveis e, também, cria sistemas de classificação e análise.

Uso conjunto dos dois algoritmos

Quando combinados, no entanto, os resultados podem ser muito mais preciosos. Aqui é preciso lembrar que o data mining trabalha com um grande conjunto de dados, o que torna o uso dos dois algoritmos mais lógico.

Em geral, a quantidade de dados que precisa ser trabalhada é muito grande para que possa ser feito manualmente. Então, são usados algoritmos não supervisionados para categorizar os dados e determinar algumas relações.

Feito isso, os algoritmos supervisionados aprendem com os dados já classificados e, posteriormente, consegue elaborar modelos com capacidade preditiva. Esse modo de operação permite que elevadas quantidades de informações tenham utilidade estratégica.

Conheça os benefícios

O modo como os algoritmos atuam apontam para os benefícios que a mineração de dados pode oferecer, principalmente se tratando de valor tático para organizações empresariais. Entenda!

Organização e classificação das informações

Antes de discutir esse aspecto, é importante entender que o uso dessa tecnologia requer planejamento da companhia. Afinal, essa é uma poderosa ferramenta e, como tal, precisa de um objetivo claro para o seu uso.

Geralmente as informações guardam um “algo mais” que aos olhos humanos podem passar despercebidos. Por isso, organizar e detalhar os dados é uma é excelente maneira de extrair conhecimento que fortaleça o seu empreendimento.

Dessa maneira, o uso de algoritmos não supervisionados auxiliam na organização de dados que tenham relevância estratégica, facilitando a identificação de oportunidades e ameaças e possibilitando o bom andamento dos negócios.

Compreensão do comportamento do cliente

Outro benefício para organizações empresariais é o uso de data mining para conhecer melhor os seus clientes, e sua relação com produtos e serviços oferecidos pelo empreendimento. Isso possibilita a criação de planos de marketing muito mais direcionados. Além de explorar novas tendências, com a finalidade de engajar os seus usuários.

Descubra quais são as suas aplicações

Ao desenvolver um plano ou realizar alguma atividade para impulsionar os negócios é importante que ela seja baseada em elementos que garantam alguma resposta e, nesse sentido, a mineração de dados permite algumas aplicações que beneficiam as companhias. Veja a seguir.

Aperfeiçoar processos internos e projetos

Todas as atividades de uma empresa geram dados que, com a ajuda do data mining, podem contribuir com insights poderosos para elaborar táticas que aprimorem o desempenho dos serviços realizados.

Uma de suas aplicações mais importantes é a otimização de procedimentos internos e projetos. Sem elas, projetos tendem a passar por problemas e ações internas não atingem o objetivo esperado.

Nesse sentido, a mineração de dados torna-se um poderoso instrumento para encontrar os pontos falhos e implementar ações de melhoria, assegurando que as soluções sejam entregues com qualidade.

Melhorar estratégias para a captação do público-alvo

Além de melhorar a qualidade dos procedimentos internos de uma empresa, e de seus projetos, como falado anteriormente, essa tecnologia permite que se conheça melhor o comportamento dos consumidores.

Visão positiva da marca e da empresa

A opinião de usuários é muitas vezes expressa em mídias sociais. Assim, com o auxílio do processamento de linguagem natural e a análise estatística é possível entender a opinião e os sentimentos dos consumidores pela marca, além de elaborar planos que auxiliem na criação uma imagem positiva, por meio da qualidade das soluções que são ofertadas e por outras ações públicas da entidade.

Direcionar estratégias de marketing

O data mining também é usado para agrupar clientes com gostos semelhantes. Assim, os produtos e serviços são oferecidos aos grupos certos — pessoas que realmente tenham interesse em adquiri-los e com reais possibilidades de realizar a compra ou adesão.

Analisar concorrências e riscos

Manter um empreendimento competitivo não é uma tarefa simples e uma forma de realizar isso é por meio da análise das concorrências e dos riscos aos quais a organização está exposta.

Usar informações geradas pelas atividades de concorrentes, além de avaliar os fatores que ameaçam as ações da empresa, ajuda também no desenvolvimento de planejamentos tático e estratégico de forma consolidada.

Como se trata de um alto volume de dados, a mineração de dados é usada para identificar fatores que comprometam o seu desenvolvimento, além de modelar soluções. Afinal, com base em análise estatística é possível garantir a objetividade das projeções realizadas.

Adote recursos para integrar os dados

Para tornar essa tecnologia mais eficaz é muito importante que sejam adotados recursos que promovam a integração de dados. Ferramentas como o Machine Learning, Sistemas de Gestão e o Big Data ajudam muito nesses procedimentos.

Devido ao que pode ser oferecido pelo data mining, aderir a esses meios torna uma gestão dos dados bastante valiosa do ponto de vista estratégico. Afinal, os resultados desses procedimentos podem significar o sucesso da empresa.

O que você achou do artigo? Conte-nos a sua opinião nos comentários. Sua posição é muito importante para nós. Até mais!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

1 Comentário

    Fale o que você pensa

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    shares